[ editar artigo]

O que significa ser um produtor de conteúdo digital?

O que significa ser um produtor de conteúdo digital?

Cada vez mais pessoas ganham a vida pela internet. Blogs, canais no YouTube ou mesmo as redes sociais tem se tornado a profissão de muitos. Em comum, entre estas pessoas, está o fato de todos serem produtores de conteúdo digital.

LEIA MAIS6 cuidados na hora de trabalhar com influenciadores

Esse termo é muito comum no universo dos youtubers, mesmo porque a plataforma de vídeos do Google classifica quem produz material para o site como “criador”. Muitos começaram postando vídeos despretensiosos e hoje se tornaram verdadeiras celebridades da internet. Esse fato se repete também com diversos blogueiros, influenciadores e usuários de redes sociais.

Quem são?

Por definição, um produtor de conteúdo digital é qualquer pessoa que produza e publique material para a internet. Seja um comentário no Twitter, um texto no Facebook, em um blog ou mesmo um vídeo no YouTube ou Snapchat. Da mesma maneira, existem aqueles que fazem apenas como forma de lazer, enquanto para alguns ser um produtor de conteúdo é a sua profissão.

A facilidade de acesso à internet e a equipamentos de qualidade tem feito muitas pessoas “comuns” se tornarem relevantes na internet por meio do material que criam. Alguns deles chegam a ser chamados de influenciadores digitais, tamanha a importância que tem para o público.

Disciplina para criar

Para se tornar um criador de conteúdo relevante é importante estabelecer uma rotina na publicação do material. Se você trabalha com redes sociais, é essencial que não fique muito tempo sem postar, para que seu público não esqueça que você está presente.

Por outro lado, se você possui um blog ou canal no YouTube, o ideal pode ser dar alguns dias de espaço entre cada publicação, para que seus seguidores sintam a sua ausência e torçam para que você volte a publicar..

Sentir a receptividade do público é essencial para definir a frequência das postagens. Afinal de contas, apesar de planejada, essa rotina não deve ser engessada e sempre pode ser remodelada de acordo com a resposta do público.

Esse calendário de postagens acaba criando um ar mais profissional para o seu conteúdo, e assim gera mais credibilidade. Agir profissionalmente é importante mesmo que seja apenas uma diversão.

Produtor de conteúdo não é apenas o youtuber

Muitos acreditam que apenas quem produz vídeos para o YouTube pode ser considerado um produtor de conteúdo, mas isto está errado. Blogueiros são os exemplos mais antigos de produtores de conteúdo na internet, atuando desde muito antes da existência do YouTube, e naturalmente, dos youtubers.

Qualquer que seja o tipo de conteúdo (incluindo memes), se você produz com frequência, já pode ser considerado um produtor de conteúdo. Páginas de humor, opinião ou específicas sobre algum assunto são exemplos de materiais feitos por criadores de conteúdo que muitas vezes não produzem vídeos.

LEIA MAIS: Por que o número de seguidores não define a influência de uma pessoa?

Por outro lado é comum vermos essas pessoas expandirem ou migrarem de plataformas com o tempo. Existem diversos exemplos de influenciadores digitais que começaram se dedicando a um blog, e no futuro, partiram para experiências em uma rede social, por exemplo.

Não copie, crie!

Diversas pessoas querem ser criadoras de conteúdo digital, mas não sabem por onde começar. Um erro muito comum é copiar o que está dando certo para outras pessoas, na esperança que funcione para ela também. Essa não é a estratégia mais adequada para quem está começando, pois não oferece nenhum diferencial ou atrativo para o mercado e a audiência.

Pense como espectador: se existem dois materiais muito parecidos, em geral, o mais famoso será escolhido. Ou seja, isso faz com que o que não for original acabe sempre sendo escondido por aquele que é mais famoso.

Originalidade é algo muito apreciado na internet. Seja na linguagem, formato ou na forma de apresentação, é importante que você busque algo novo. Se inspirar em quem faz sucesso é natural — e muito positivo — mas sempre pense que eles são apenas referências de coisas que gosta. Portanto, evite cópias e procure deixar o seu trabalho com a sua cara o máximo possível.

Texto ainda é muito importante

Por mais que a produção de fotos e vídeos, principalmente para redes sociais, seja muito valorizada, não se pode deixar de lado os textos. Seja em um blog ou site, essa é uma das formas mais comuns de produzir conteúdo para a internet.

Muitos jornalistas, publicitários e profissionais da comunicação em geral, acabam se tornando produtores de conteúdo digitais de sucesso pois trazem qualidade na escrita — o que é muito importante, não apenas na internet. Saber escrever bem é um atributo que destaca tanto um texto em um blog, quanto uma postagem em uma rede social.

LEIA MAIS: Como empresas podem trabalhar com influenciadores digitais?

Além disso, é importante também saber a linguagem mais adequada para cada público e plataforma. Não adianta nada ter um bom material e não saber apresentá-lo de forma que sua audiência entenda e goste. Escrever bem ou falar bem significa ser simples e direto, assim você passa veracidade e conquista cada vez mais seguidores.

Olhando para o futuro

A profissão de produtor de conteúdo digital está sendo cada vez mais reconhecida no mercado e isso só tende a aumentar. Com profissionais mais bem preparados e com plataformas desenvolvidas, com certeza mais portas devem se abrir neste e nos próximos anos.

Se você deseja se tornar um produtor de conteúdo não esqueça das dicas que falamos hoje para que seu projeto dê certo. Para ficar por dentro de mais material sobre a criação de conteúdo, influenciadores digitais e das novidades do mundo digital, continue navegando aqui com a gente. Tem muito conteúdo esperando por você!

Marketing de Engajamento
Victor Waiss
Victor Waiss Seguir

Redator - Beracode

Ler matéria completa
Indicados para você